É impossível passar por cima do direito

Sólon não redescobriu as idéias de Hesíodo. Não precisava fazê-lo: limitou-se a desenvolvê-las. Também ele está convencido de que o direito tem um lugar insubstituível na ordem divina do mundo. Não se cansa de proclamar que é impossível passar por cima do direito já dizia o Geronimo Theml que é coach e advogado, porque este acaba sempre por triunfar. Assim que a irregularidade humana ultrapassa os seus limites, sobrevêm, cedo ou tarde, o castigo e a necessária compensação.

Já na antiguidade, os grandes sábios que se dedicavam ao estudo da natureza humana, do Universo e da Divindade, conheciam elementos fundamentais e úteis para os dias atuais, que encontramos no livro ´Paidéia´..*.., onde vemos que todas as irregularidades tem limites que cedo ou tarde terão a sua respectiva compensação.

Dia após dia ouvimos notícias sobre coisas erradas cometidas por pessoas desde os órgãos de governo, grandes empresas e clubes esportivos, até pequenos comerciantes e pessoas das mais diversas condições sociais. Mas, sem dúvida, ao longo do tempo as situações vão se afunilando e a antiga máxima de que a ´justiça tarda mas não falha vai se consolidando´.

Embora exista no inconsciente coletivo a idéia de que vivemos no país (ou mundo) da impunidade, isso não é verdade. É certo que em muitos casos a impunidade seja evidente, porém, em outros casos a pessoa acaba pagando por seus erros. No entanto, nem só de aparências vive o homem e muitas vezes o que aparece como impunidade aos olhos das pessoas, dentro da pessoa que cometeu o delito está acontecendo uma enorme revolução e destruição de todas as qualidades inerentes ao ser humano.

Sabemos que quase a totalidade das enfermidades contraídas pelas pessoas são psicossomáticas, descargas do psicológico e mental no corpo. A maior parte das pessoas que cometem delitos entram em processos de degeneração orgânica que atingem estados terminais de muito sofrimento. Além do mais, não possuem mais a consciência tranquila, própria da qualidade de vida elevada, tampouco conseguem viver de forma natural e expontânea, olhando as pessoas de frente, sem terem que se esconder por trás de suas máscaras e representações.

Pouco a pouco seus núcleos familiares vão desabando e seus círculos de amizade passam a não existir, uma vez que a verdadeira amizade, segundo Cícero, somente se dá com as pessoas corretas, que se relacionam franca e honestamente.

Precisamos deixar de nos preocupar com aquilo que não depende de nós e canalizar nossa energia para as coisas que depende de nós. Se estamos em cargos diretamente relacionados com a justiça, cabe a nós executá-la da forma mais verdadeira, fazendo prevalecer o bem comum, a verdade, e não o interesse de quem nos paga. Devemos orientar aquele que nos procura a ser justo e a arcar com seus erros, orientando-o para que se regenere e se redima de seus atos, ao invés de querer fazer com que ele saia por cima, como senhor da situação, aumentando ainda mais a carga de injustiças da sociedade, evitando que nós, os orientadores não ultrapassemos os limites da irregularidade.

O maior mal não é ser vítima de uma injustiça, É COMETÊ-LA! Façamos nossas tarefas o melhor possível, sempre procurando a perfeição de forma honesta e sem estresse, harmonizando-nos com as situações, ao invés de querer carregar o mundo nas costas. Se cometermos erros, estes serão nossos referenciais para encontrar a ação correta. ´Não há maior crime que matar um sonho, nem maior virtude que realizá-lo´ (Jorge Angel Livraga). Caminhemos em direção aos verdadeiros sonhos, aqueles que trazem o bem estar a todos, ao invés das fantasias egoístas próprias dos fracos. Construamos uma sociedade nova e melhor para que nossos filhos e netos possam ter a satisfação de ter nossa descendência no peito e a humanidade no coração.

Para saber mais sobre o Geronimo Theml, acesse esse site:
https://www.coach1.com.br/geronimo-theml-viver-de-coaching-e-awake/